Codoanaut – Onde nos programamos ?

Têm sido diferente a rotina desses dias de 2020. A pandemia nos obriga a repensar /reorganizar todas as rotinas diárias. A simples ida ao mercado, organizar casa / trabalho / escola, receber uma encomenda, organizar leitura ou consolidar um projeto de pesquisa se tornam tarefas dignas de heróis das galáxias !

E esse repensar/reorganizar vêm sendo feito cada vez mais no uso cotidiano de aplicativos que utilizam de inteligência artificial, o paradigma invisível que nos controla e conduz por labirintos digitais.

Para pensar mais e melhor sobre esta inteligência recomendo para esses dias de quarentena “ver ” o documentário “Codonaut”, dirigido por Florian Thalhofer, Félix Pauschinger e Stefan Westfal, editado na plataforma do Korsakow.

O doc aborda o assunto usando as interfaces do programa que permitem caminhos narrativos explorados a partir de referências que vão de citações sobre a evolução da tecnologia computacional de Assimov, de textos do filme 2001 Odisséia no Espaço e de previsões feitas por cientistas, filósofos, estudantes, médicos, escritores e outros personagens da Alemanha de hoje.

Apesar de ser falado em alemão grande parte do I-doc têm legendas em inglês, o que torna a experiência acessível. Para quem já acompanha o cenário de filmes interativos destaco o design e sobretudo a possibilidade do “olho do pássaro”, recurso que permite visualizar o conteúdo de forma geral, e que dá ao espectador a possibilidade de acompanhar quais partes da linha da história ou dos personagens já foram assistidos.

Recomendo muito e deixo aqui o link !

Codoanaut – Onde nos programamos ? http://codonaut.de/

Este post foi escrito com a seguinte trilha sonora: Dieter Schnibel – Motetus I, Sibelius – The Oceanides OP.73 Yale version, New Order, Bicep, Urban All Stars e DJ Zinc.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *