A origem desta pesquisa.

Em janeiro de 2018, durante o curso de Especialização em Narrativas Contemporâneas da Fotografia e do Audiovisual, da UNICAP- Universidade Católica de Pernambuco, durante a disciplina de Produção Audiovisual, orientada pelo cineasta e professor Marcelo Pedroso, tivemos como tarefa prática, a formatação de um projeto de documentário audiovisual. Nossa proposta foi realizar um filme sobre o centro urbano da cidade do Recife, Pernambuco, que contemplasse tanto a perspectiva histórica quanto a contemporânea.

Para definir e delimitar este escopo num roteiro, escolhemos contar um pouco da história da cidade a partir do circuito de estátuas chamado de “Circuito da Poesia”, que é composta por poetas, escritores e personalidades que viveram no Recife e que estão dispostas pelo centro da cidade. Durante a elaboração do seu roteiro imaginamos construir uma narrativa onde o espectador pudesse “assistir ao filme enquanto caminhasse pela cidade ” realizando os percursos que conectam uma estátua a outra, podendo escolher que caminho seguir.

Ficou claro neste momento que uma edição linear tradicional não traria o efeito de imersão no ambiente urbano desejado. Embora Documentários Interativos seja um gênero emergente e com relevante número de produções criar do zero um programa de computação que permitisse interagir com o filme estava fora do nosso alcance como estudantes para um filme universitário. Iniciamos então uma pesquisa pela internet na qual descobrimos que já existem opções de softwares com custo acessível e que não exigem que o diretor seja um programador avançado. A escolha pelo software Korsakow em seu modo para estudantes foi feita por estas razões.

O mundo digital em rede e seus labirintos narrativos possíveis no hipertexto abrem caminho com sua profusão de processos, agenciamentos, co-criação, para descobertas das pesquisas acadêmicas como as do Open Doc Lab do MIT/Massachusetts Institute of Technoligy , do National Film Board of Canada, do IDFA Doc Lab entre outras, e que servem de inspiração e guias nos caminhos do Mestrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *